pasa top
 VANT - Veículos Aéreos Não Tripulados

  Tecnologia de ponta para inspeção de ativos a qual agrega qualidade, resultados excelentes, segurança operacional e ótima relação custo / benefício uma vez que praticamente elimina tempo de paradas e ociosidades.

  • Flare em Operação
  • Inspeção Visual com registro fotográfico de toda a estrutura do flare, do topo à base e de todas as tubulações, flanges e cabos de sustentação intermediários. Inspeção é realizada com o flare em operação, eliminando a necessidade de parar o processo ou montar um flare temporário. Fotos aéreas de alta resolução auxiliam na visualização de locais significativos para reparos, minimizando o tempo de parada programada. Inspeções de flare típicas podem ser realizadas em questão de horas. 


  • Sistemas de Tubulações Elevadas

  • Realizamos inspeções em sistemas de tubulações elevadas, muitas vezes isoladas, como parte de um programa de inspeção e monitoramento de áreas de risco. A identificação de problemas de corrosão, estruturais ou de isolamento é feita por meio de sensores de imagem visual e termografia. Na maioria dos casos, os problemas ocorrem em áreas de superfícies expostas na parte superior da tubulação. As regiões podem ser apresentadas em uma única imagem para oferecer ao inspetor facilidade de visualização da tubulação.
     


  • Tanques abertos, com teto flutuante ou fechados

  • Podemos visualizar com facilidade os revestimentos do interior de tanques para detecção de rupturas ou empolamentos que indiquem falhas no revestimento. Tanques de tetos flutuantes podem apresentar problemas com a coleta de resíduos em bombas, causando inclinação do teto pela entrada de água de chuva. Da mesma forma, a condição geral do teto flutuante também é facilmente monitorada. Tetos fechados podem ser difíceis de inspecionar quando a integridade pois está em jogo o uso de inspetores no teto, o que não é uma opção. Com isso, a identificação de corrosão e revestimentos empolados pode ser realizada facilmente.

  • Torres de resfriamento e Colunas de destilação

  • Adicionalmente às inspeções de integridade estrutural, a termografia também tem um papel importante nas inspeções de torres de resfriamento e de colunas de destilação. Com o tempo, torres de resfriamento podem tornar-se menos eficientes e as falhas são de difícil diagnóstico. Com uma perspectiva aérea, através de imagens IR/térmicas da torre, ventoinhas de exaustão e outros, pode-se identificar os problemas com mais facilidade.

    Colunas de destilação ineficientes significam redução da margem de lucro, imagens com VANT podem indicar as áreas com fragilidade no isolamento e problemas no processo, as quais podem ser tratadas imediatamente ou na parada subsequente.

  • Inspeção de linhas elétricas

  • O fornecimento de energia constante e confiável é vital para manter as atividades em ótima operação. Inspeções regulares das torres, conexões e isoladores, podem ser realizadas de modo fácil e rapida. Após a ocorrência de temporais, falhas ou outros problemas que impactem a integridade das linhas ou estruturas podem ser identificas e assim evitar paradas e risco para o pessoal de operação.
     


  • Mapeamento aéreo 2D/3D

  • Essa nova tecnologia de mapeamento propiciou avanços importantes para gestores de plantas até então indisponíveis. Mapas em 2D fornecem um “Google mapa” atualizado o qual pode ser utilizado para direcionar o pessoal de campo para os locais corretos nas plantas e auxiliar no planejamento de atividades.
    O mapeamento 3D é possível por meio de software avançado que combina milhares de fotos para criar uma imagem tridimensional. Esses modelos possibilitam geo-referências extremamente precisas como medições de volume em aterros, minas, canteiro de obras e outras. Essas atividades costumavam demandar o trabalho de muitos técnicos e meses de processamento. Atualmente, podemos mapear (100 acres) 404.600 m2 / dia e o tempo de processamento é menor do que uma semana.


  • Resposta de emergência

  • Situações de emergência exigem respostas rápidas em vista da necessidade urgente de preservar pessoas e ativos. Os VANTs possuem a capacidade de enviar informações em tempo real e imagens/vídeos para a melhor resposta possível. Em muitos casos, os pontos de vantagem ganhos com os VANTs são impossíveis por qualquer outro meio em virtude dos riscos envolvidos.
     



  • Robôs de superfície e submersos

  • Veículos robóticos de superfície são indicados para a realização de inspeções em vagões ferroviários, tanques, vasos e tubulações. Essas plataformas podem ser equipadas com sensores de imagem, projetados para atender às necessidades de aplicações específicas, inclusive ferramentas de ensaios não destrutivos (END). A utilização dessa tecnologia robótica elimina a necessidade de entrada de inspetores, reduz a preparação da inspeção e agrega eficiência, com redução de custos e riscos associados aos métodos convencionais de inspeção.

    O Grupo Mistras possui parceiros na indústria robótica para projetar soluções customizadas para novas aplicações. Essa tecnologia melhora drasticamente os processos de inspeção, com:

    • Substituição de inspetores em inspeções de vasos de pressão e tanques de armazenamento amplamente empregados na indústria de petróleo, gás e petroquímicas.
    • Permite que as inspeções sejam realizadas sem a necessidade de parar o processo ou evacuar líquidos ou gases em tubulações ou vasos.
    • Redução de custos associados com paradas, montagem de inspeções longas e mão de obra excessiva.
    • Aumento de eficiência com o aumento da frequência das  inspeções e redução de eventos inesperados.


     


    PASA-NDT PHYSICAL ACOUSTICS SOUTH AMERICA   Tel: (55 11) 3082-5111 ou 3736-7777 - mistras@mistras.com.br